Carlo Pernat – A Ducati está em crise.

246
Carlo Pernat
Carlo Pernat

Os resultados continuam se repetindo, Marc Márquez mais uma vez humilhou a concorrência, com sua quinta vitória consecutiva. Bagnaia alcançou seu melhor resultado com a moto da Ducati, deixando Dovizioso chupando uma manga.

Outro que passou um vexame foi Valentino Rossi, terminando atrás de Iannone, há também o que dormiu durante a prova e terminou com o atraso de mais de um minuto.

Diante de tantos fatos inéditos e sob um olhar atento, Carlo Pernat deu suas opiniões:

O tema é a Honda – “Acho que Marc identificou seus dois principais inimigos, Quartararo e Viñales. Ele compete com eles tanto nas pistas como psicologicamente. A queda de Maverick foi decorrente uma verdadeira caçada de gato ao rato, Maverick tentou reagir mas falhou.”

O tema é a Ducati – “Redescobrimos Bagnaia que deu um salto de qualidade, estávamos esperando por isso. Diante disso percebemos que a Ducati oficial teve uma crise, não era o dia de Dovizioso, ele não tinha aquela dose saudável de loucura para lutar pela vitória. Petrucci caiu, ele sente Miller respirando perto do seu pescoço.”

O tema é a Aprilia – “O teste de pneus na sexta-feira ajudou os pilotos mentalmente, tanto que Iannone teve uma ótima corrida, mostrando que o talento ainda está lá.”

O tema é Jorge Lorenzo – “Aparentemente as coisas são piores para Jorge Lorenzo, o que podemos dizer sobre ele dura um minuto. Agora, eles estão jogando um contra o outro, Jorge não diz uma única palavra e a Honda muito menos. Quem abrir a boca primeiro pagará um preço. Nesse nível de competição a Honda não pode se dar ao luxo de ter sua moto nas últimas posições.”