Karel Abraham encerra sua carreira no MotoGP; maquinações para levar Zarco à equipe Avintia.

599

“Zarco foi um erro; ele não contribuiu com nada para a KTM”

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é EKC4WIYXYAEdMPv.jpg

Stefan Pierer – CEO da KTM (fonte Speedweek.com)

Karel Abraham deve parar de competir na classe de MotoGP em um futuro próximo. O piloto de 29 anos confirmou, em uma reunião com os seus torcedores na noite de sábado, que não voltaria à equipe da Avintia em 2020, e, simultaneamente, encerrará definitivamente sua carreira como piloto.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 20191124003809-42948_jpg660x500-2.jpgAbraham tomou essa decisão depois de receber ordens para não comparecer a Jerez para o teste de dois dias do MotoGP, que deve começar na segunda-feira. O e-mail foi um duro golpe, disse Abraham aos fãs, pois ele tinha um contrato para continuar competindo com a equipe Reale Avintia até 2020. Mas, na sexta à noite, ele recebeu um e-mail encerrando o contrato, embora Abraham discorde dos motivos alegados.

A maneira como o contrato foi encerrado fez o piloto tcheco não querer ter mais nada com a equipe, disse ele aos presentes no evento. Algo deste tipo deve ser tratado, “antes de partir para o deserto”, no mínimo em uma reunião presencial, disse Abraham.

Abraham acusou a equipe Avintia de problemas financeiros, alegando que vários mecânicos não viajaram para a rodada da Malásia em Sepang. Abraão também acusou Avintia de não ter pagado alguns mecânicos. Por outro lado, Abraham é acusado de não ter cumprido seu contrato com a Avintia ao falhar em pagar o valor do patrocínio acordado.

A partida de Abraão abre caminho para Johann Zarco se sentar em sua sela. O francês originalmente recusou a equipe, dizendo que “não era um time de ponta”. “Quero uma boa equipe e uma boa moto, e para mim a Avintia não é uma equipe de ponta, por isso, se tiver que me perder mais ainda nesse lugar, prefiro ir para a Moto2”, disse Zarco no sábado, em Valência.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é EJqlyhJX0AEBIUa-768x1024.jpg

Contudo, após o fim de semana, Zarco foi flagrado realizando reuniões com o chefe da Ducati Corse, Gigi Dall’Igna, onde acredita-se que tenha recebido garantias sobre o nível de apoio à equipe. Zarco também tem o apoio do promotor francês de GP Claude Michy, que convenceu o CEO da Dorna, Carmelo Ezpeleta, a apoiar sua ida à equipe Avintia.

O principal jornalista francês de MotoGP, Thomas Baujard, falou por telefone com Johann Zarco sobre uma mudança para a Avintia durante o teste em Valência e, naquele momento, Zarco ainda não estava convencido, conforme reportado aqui no Maniamoto. Ele estava considerando seriamente a opção de ir para a Marc VDS, na moto2.

Infelizment para ele, a vaga deixada por Alex Marquez, na equipe Marc VDS Moto2, parece ter sido preenchida por Augusto Fernandez. Essa informação ainda não é oficial, e deve ser confirmada nos próximos dias.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 76710733_1203402823194019_6571956706329231360_n.jpg

Augusto Fernandez é habilidoso, agressivo e ainda muito jovem — 22 anos. O piloto espanhol surpreendeu a todos quando lutou pelo título da Moto2 em seu primeiro ano na categoria. Sua ida para uma grande equipe como a Marc VDS irá contribuir para o seu crescimento, e, sem dúvida, permitirá que ele dispute o título da próxima temporada. Fernandez, juntamente com Jorge Martin, são os pilotos mais cobiçados pelas grandes equipes do MotoGP para 2021, incluindo a Honda.

Até a noite de sábado, não havia ainda sinais de que Zarco tinha tomado uma decisão sobre correr com uma Ducati pela equipe Avintia. Com esse assento agora vazio, seria lógico para Zarco ocupar o lugar e tentar ganhar uma corrida em 2021. Mas a saga de Zarco é tão longa e complexa que a lógica há muito tempo foi abandonada. Aguardaremos a confirmação oficial do próximo passo.

Mesmo que Zarco ocupe a sela da Avintia, é improvável que ele viaje até Jerez (previsão de chuva). O francês ainda está se recuperando de lesão no tornozelo sofrida no acidente durante a corrida em Valência, e está longe de ter condições de pilotar. Também terá que haver alguma reparação das rachaduras deixadas pelos comentários do francês sobre a equipe.

Enfim, parece que Zarco irá mesmo para a Avintia Reale, onde deve pilotar uma Desmo 2019, recebendo algumas melhorias durante a temporada de 2020, conforme prometido por Gigi Dall´Igna — diretor da Ducati.