Onde está a Honda após o último teste?

628

“Eu estou mais preocupado com a moto do que com o meu físico porque há coisas que testamos e que não me convenceram”
Marc Márquez

“No momento, existem áreas positivas, mas a moto está pior que a do ano passado”
Cal Crutchlow

Será que os engenheiros da Honda sabem onde eles estão após o último teste? Existem tantos fatores confusos que dificultam um julgamento seguro neste momento. O fato de Cal Crutchlow ter terminado o teste como o segundo mais rápido na tabela geral é muito encorajador – a Honda RC213V de 2020 é bastante rápida e parece ter ganho mais potência e velocidade absoluta. Mas o ritmo de corrida de Crutchlow estava longe de ser impressionante.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 85151076_2683697301750399_8919766536776843264_o.jpg

“A parte que está faltando é uma maior sensibilidade na dianteira. Parece que temos que ir cada vez mais davagar para girar na curva, em vez de poder seguir as linhas mais radicais que o pneu Michelin precisa. Essa sempre foi uma característica da Honda, mas com os Michelins você precisa aumentar a velocidade da curva e esta moto não nos permite fazer isso. Precisamos melhorar o giro e a sensação na dianteira. Não somos rápidos na entrada, e ser fraco lá significa que você é fraco no meio da curva e na saída também.”

“No momento não há luz no fim do túnel, e precisamos continuar trabalhando para encontrar maior sensibilidade para a frente da moto.”

No entanto, devemos considerar que o ritmo de Crutchlow na prática nunca foi consistente e raramente impressionante, mesmo quando o piloto da LCR Honda acaba no pódio.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 84144453_3055102821166814_131811829054701568_o.jpg

Também não podemos tirar conclusões do atual campeão Marc Márquez. Ele retornou após a cirurgia no ombro, e seu braço não está funcional como ele esperava. Ele está com menos dor do que no ano passado, mas ainda tem menos força no ombro direito. A corrida de Márquez foi restrita, e o seu ritmo consequentemente ficou difícil de ser mensurado.

Ele também caiu duas vezes. Em ambos os casos – do lado de fora na curva 3 e na curva 15 – as quedas foram bastante simples, e que poderiam ser salvas caso ele estivesse na sua forma ideal. É a Natureza devolvendo Márquez à terra dos mortais.

O que sabemos é que a Honda RC213V 2020 ainda está tendo problemas. Atualmente o foco principal é acertar o motor, embora Crutchlow e Márquez também estejam testando vários chassis diferentes. Crutchlow ainda não tem a sensação na dianteira que deseja, como a da sua moto de 2018, apesar de ser rápido com a atual.

A necessidade maior está em trabalhar na frenagem do motor. O motor mais potente está empurrando a frente quando os pilotos freiam na entrada da curva. Isso faz com que a frente avance, exatamente o tipo de acidente que Márquez normalmente salvaria com o seu cotovelo. É o mesmo problema que o levou a cair em Austin no ano passado, quando tinha uma confortável vantagem. Se os engenheiros da HRC puderem consertar isso, ou pelo menos amenizá-lo, Márquez será capaz de lidar com o novo pneu da Michelin.

Se eles não puderem – bem, não saberemos o quão ruim é o problema até que Márquez entre em forma novamente. Pelo menos duas provas serão necessárias para termos uma ideia do estado atual de sua moto. E a segunda corrida será em Buriram, na Tailândia, onde Márquez se machucou o suficiente no ano passado para exigir a cirurgia no ombro.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 85241332_2873466499400261_5195528535317413888_o.jpg

Por fim, uma palavra sobre Alex Márquez. A vantagem de ser irmão de Marc Márquez é que você tem a oportunidade de montar para uma equipe oficial como a Repsol Honda. A desvantagem é que ninguém acredita que você ganhou o lugar por merecimento. No entanto, o irmão mais novo de Marc está, sem dúvida, se saindo bem, e antes do previsto – julgado por padrões humanos, e não pelos de Marc Márquez – pouco menos de sete décimos atrás de Fabio Quartararo. Isso é realmente respeitável.