Viñales quebra recorde e faz a pole em Misano.

339

Neste sábado no qualificatório em Misano vimos um Q1 bem sem graça, as duas KTMs de Pol e Miguel passaram sem nenhum sufoco, o principal concorrente dos dois foi Aleix Espargaró e sua Aprilia. O destaque negativo fica para a Honda com Alex Márquez largando em último e Bradl na antepenúltima colocação, Honda sentindo na pele que não pode ser refém de um piloto no desenvolvimento do seu projeto.

Q1 Misano 2020

O Q2 foi mais animado, se na última corrida em Spielberg vimos uma Yamaha decadente a ponto de ficar sem freios, em Misano vimos as 4 M1 do gride ocupando as primeiras colocações do gride. O destaque ficou para Maverick que bateu o recorde de volta mais rápida estabelecido por Jorge Lorenzo em 2018 quando estava na Ducati.

Outro fato interessante foi o retorno de Bagnaia após sua lesão, mesmo ainda não estando 100% fisicamente conseguiu se qualificar bem na sexta colocação. Para um qualy onde as motos com motores 4 cilindros em linha foram destaque, confesso que esperava mais da Suzuki, Rins como melhor piloto no Q1 terminou com uma desvantagem de +0.679.

Q2 Misano 2020